Dizemos a mesma coisa vezes sem conta…

Quando eramos novos até gozavamos com as expressões que os nossos Pais utilizavam “O Pai já vai” ou “Se te aleijas ainda levas mais”. Tinhamos a mania que nunca iamos crescer e a crescer raramente, ou mesmo nunca, iriamos utilizar as “secas” das mesmas expressões. Com filhos rapidamente aprendemos que quem tinha a mania da esperteza eramos nós.

 

Rapidamente percebemos que quando somos Pais repetimos inúmeras (milhares) de vezes a mesma coisa. É demais. Às vezes até começamos a por em causa a nossa sanidade mental, como é possível repetir centenas de vezes as mesmas expressões, todos os dias, durante…anos. Sim anos, se alguém acha que é algo que “vai passar rápido” não passa. Esqueçam.

Aquele sorriso lindo

A ideia é partilhar algumas das expressões que mais utilizamos cá em casa – não todas ui ui – e esperar que não sejamos os únicos a sentir este desconforto miudinho. Caso se identifique com este cenário desejo-lhe boa sorte mas não conte com a minha ajuda porque já me chega o que tenho cá em casa, ainda por cima com o COVID a complicar tudo. O raio do COVID. Use máscara, mantenha o distanciamento social e desinfete as mãos. Não toque na cara nem em lado nenhum, tome banho. Tudo isto, etc. Mais coisas para repetir vezes sem conta mas por uma boa causa, claro. Segue a lista de expressões que fui registando, quando possível, para partilhar com a comunidade.

  • Olha que ficas de castigo!?
  • O que é que pensas que estás a fazer?
  • Onde é que pensas que vais?
  • O Pai já vai?
  • Queres levar?
  • Estás aqui estás ali?
  • Estás aqui estás a levar!
  • Já te avisei mais que uma vez!
  • Se caires ainda levas mais!
  • Parem de saltar, cuidado com as cabeças (para quem tem mais que um filho)!
  • Pára de inventar!
  • Cuidado com as escadas!
  • Cuidado (milhares de vezes)!
  • Pára de chatear o teu irmão/irmã.
  • Tens mais olhos que barriga.
  • Parem de saltar, acabaram de comer ainda vos dá alguma dor de barriga!
  • Não disse para não morder, morder pessoas é feio e não se faz.
  • Não tires as meias que está frio.
  • Quem te mandou despir?
  • Já chega de televisão, vai fazer outra coisa.
  • Parem de brincar às porradas.
  • Tens tantos brinquedos e não brincas com nada.
  • Se não arrumarem os brinquedos vai tudo para o lixo.
  • Estás a esticar-te…
  • Vou contar até 3…
  • Mas já tens fome, acabaste de comer!
  • Outra vez fazer cócó, como é possível…
  • Larga o frigorifico.
  • Quem não come tudo não tem direito a doces.
  • Só pensas em doces, vou deixar de comprar de vez.
  • Come a sopa.
  • Tens de comer “verdes” para ficares saudável.
  • Queres pão com que?
  • Está na hora de ir dormir.
  • Tens que dormir na tua cama.
  • Mas ainda não estás a dormir.
  • Acorda que está na hora.

Se quiser partilhar outras expressões fique à vontade, servirá para aprofundar esta nova área de estudo mas também para nos fazer rir porque apesar dos efeitos novivos para os adultos como crescerem pelos nos ouvidos ou no buço, cabelos brancos e olhos covados e cansados no final do dia qualquer sorriso, abracinho e miminho dos nossos filhotes cura tudo a dobrar, até a alma!

Dedicado a todos os Pais e Avós deste planeta. O nosso muito obrigado!

Obrigado pela sua preferência e por fazer parte da comunidade @malvakids.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *